Virada da Liberdade – Réveillon 2024 consolida BH como destino de fim de ano

por Redação Mais Minas
Publicado: Atualizado:

A Virada da Liberdade, em sua segunda edição, chega com inovações e maior infraestrutura para receber turistas de todo o país, consolidando Belo Horizonte como atração de fim de ano no cenário nacional. O Circuito Liberdade será o palco de uma festa que vai unir artes visuais, música, dança, cozinha mineira e boas energias em uma experiência única. O evento vai oferecer um surpreendente espetáculo tecnológico de luzes, apresentando o maior show de drones já realizado no Brasil. A programação é totalmente gratuita, inclusiva e contempla todas as idades com diversidade de estilos e referências musicais. 

Virada da Liberdade - Réveillon 2024 consolida BH como destino de fim de ano
Foto: divulgação

Diversas manifestações populares prometem reunir gerações, alinhando o ancestral e o urbano. A expectativa é que 30 mil pessoas se reúnam na Praça da Liberdade. Além de ampliar o fluxo turístico na capital, a Virada da Liberdade, realizada pelo Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Turismo e Cultura e da Fundação Clóvis Salgado, também proporciona a geração de aproximadamente mil empregos diretos e indiretos.

Com patrocínio da Cemig e recursos via Lei Estadual de Incentivo à Cultura, e apoio da Prefeitura de Belo Horizonte, Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH), Associação Mineira de Municípios (AMM), FECITUR – Federação das Instâncias de Governança Regional de Minas Gerais e da Rede de Gestores Municipais de Cultura e Turismo de Minas Gerais, a Virada da Liberdade vai contar com vários espaços espalhados no entorno da Praça da Liberdade e atrações para todos os públicos a partir das 18h do dia 31 de dezembro.

A Virada da Liberdade, cuja produção é assinada por Sete e Meio Filmes e Chacoalha, também apresentará um espetáculo de luzes, com o maior show de drones já realizado no Brasil. “Na segunda edição da Virada da Liberdade, ampliamos os espaços dos shows, aproveitamos a decoração natalina do Circuito Liberdade e oferecemos uma programação abrangente. Quem passar pela Praça da Liberdade, na virada do ano, vai sentir a empolgação de um ano repleto de oportunidades para todos. Será uma festa linda com uma mensagem de paz”, explica o secretário de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais, Leônidas Oliveira. 

A Virada da Liberdade, concebida como um produto turístico que ressalta as potencialidades culturais de BH, é mais uma ação do Governo de Minas para posicionar a capital mineira entre os principais destinos turísticos do país no período de fim de ano, estimulando a economia da criatividade e a geração de emprego e renda. Segundo a CDL/BH, o período de Natal e Réveillon será responsável por movimentar cerca de R$ 2,5 bilhões na cidade. “Enxergamos a Virada da Liberdade como um produto turístico, e o turismo é política de estado neste governo, além de uma potência na geração de emprego e renda”, afirma Leônidas Oliveira. 

O início das férias e as festas de fim de ano também contribuem para impulsionar a movimentação do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, que alcançará o índice de aproximadamente um milhão de passageiros circulando pelo terminal neste mês. A projeção demonstra um crescimento de 7,7% em relação ao mesmo período do ano passado e uma retomada de 93% no comparativo com o mesmo período pré-pandemia (dezembro de 2019). Os feriados do Natal e Réveillon são responsáveis pela alta na movimentação. 

Entre 22 de dezembro de 2023 e 2 de janeiro de 2024 são esperados 313 mil passageiros no terminal internacional mineiro, com média de 32 mil passageiros por dia. Na rodoviária de BH, a previsão é que sejam realizados 92.603 desembarques entre 27 de dezembro e 02 de janeiro.

A Virada da Liberdade integra a programação do Natal da Mineiridade, ação que, até 6 de janeiro de 2024, une 450 municípios de todas as regiões do estado em mais de 600 eventos. A expectativa é que o período registre, em Minas Gerais, uma movimentação turística de 3,2 milhões de pessoas, o que representa um crescimento de mais de 20% em relação ao ano passado. A estimativa é que a ocupação hoteleira atinja 80% durante as festas de dezembro.

Programação

A Virada da Liberdade oferece atrações para todas as idades. O evento começa às 18h para o público infantil, no espaço Alamedas, na Praça da Liberdade. As famílias poderão curtir a Viradinha com o Bloquim duBem, que faz a festa antecipada para os pequenos. Na mesma área será realizada a Cozinha Viva Mineira. Às 19h, cozinheiras mineiras convidadas, comandadas pela chef Ana Motta, prepararão releituras de pratos mineiros tradicionais ao vivo para o público presente, que ao final poderá degustar as receitas. 

Também no espaço Alamedas, a tradição da benção, fortemente difundida em Minas Gerais, será levada à Virada da Liberdade como uma celebração do sincretismo religioso mineiro a partir das 20h, quando o Bloco Afro Magia Negra irá apresentar as Yiaminas, organização que reúne mulheres do reinado mineiro e nações do candomblé do Brasil em Minas Gerais. O grupo vai realizar um ritual de energia positiva, envolvendo e arrastando o público em cortejos, por meio de toques de tambores ancestrais, clarins, dança, água de cheiro (aromas) e banho de pipoca. 

Às 21h, hora e vez do Afoxé Illê Odara encantar o público da Virada da Liberdade. Às 23h, o setor Alamedas receberá um cortejo com o Samba do Queixinho e congados para levar alegria e magia aos presentes e direcionar o público para frente do Palácio da Liberdade, local do show da Virada.

No momento da virada, será realizado um show de lasers, mapping, cores em leque e drones fazendo malabarismo nas alturas. O público vai receber lanternas de LED para realizar um grande flashmob. “Será um show tecnológico que iluminará o céu de Belo Horizonte nos primeiros instantes do novo ano, trazendo um visual espetacular para a celebração”, diz Leônidas Oliveira. Nany People é a apresentadora que dará o tom da virada.

Minas Gerais em palcos

O Palco Minas será o espaço para um bom samba no último dia do ano. A ser montado na Avenida Cristóvão Colombo, receberá programação a partir das 19h com o Pagode das Minas. Às 19h50, será a vez da DJ Camis; às 20h10, o Rap 100 Kô; às 20h40, DJ Camis retorna. Às 21h, o show fica por conta do Samba da Baixinha; DJ Camis volta às 22h e, às 22h15, a sambista Adriana Araujo sobe ao palco. 

Em outro espaço do Circuito Liberdade, a energia do carnaval invade a noite da virada. O Palco Gerais – que estará na na Praça José Mendes Júnior – vai receber, às 19h, o Baile da Dri; às 20h10, o DJ Vini Brown; às 20h30, o Bloco da Calixto; às 21h40, o retorno do DJ Vini Brown e, às 22h, acontece o show Swing Safado ao lado da cantora Sarah Guedes. Para os apreciadores do digital, o Lounge Liberdade, em frente ao Palácio da Liberdade, vai proporcionar uma experiência que unirá arte visual e música eletrônica. O espaço vai receber, às 19h, a DJ Mel e o VJ Pedreiro. Às 21h30, será a vez do VJ 1MPAR.

A Virada da Liberdade vai contar com áreas de alimentação com food trucks recheados de variedades que celebram a comida mineira e contemporânea. O Coreto terá um espaço reservado para o público fazer simpatias e projetar desejos e energias positivas para o próximo ano. A Praça terá ainda uma Árvore dos Desejos, em que basta deixar fitas e pedidos para 2024 amarrados nos galhos. Também foi preparada uma Chuva de Prata, ação instagramável em que uma caixa servirá de fundo para publicações nas redes sociais. Outra ação é a Alameda dos Desejos, um trajeto feito de letras (caixa de LED) com palavras de atração para 2024. 

Fonte: Jozane Faleiro/Luz Comunicação